quinta-feira, 25 de abril de 2013

Amo-te e adoro-te....

Senhor.
Tu tiraste de mim a culpa e a dor
Morreste na cruz por mim e por todos nós.
Quando choro, tu secas as minhas lágrimas
Tu sabes que eu sou frágil
Quero rezar contigo e dizer-te que amo-te e adoro-te
Dizer-te que não é fácil carregar
A cruz de todos os dias
Há dias que é muito pesada
Tenho fé que a tempestade há de passar.
Pois sobre as ondas andarei confiante
Nesse bravo mar que é a vida
Quero entender teus caminhos
E reconhecer a Tua voz
Quando falares comigo.
Dentro do meu coração estás tu
A minha alma será sempre tua
Eu agradeço-te por tudo pela minha dor e pela minha alegria de viver
Pela minha família, pelos meus amigos, pelo ar que respiro.
Pelas ondas e pela brisa do mar
Obrigado por amares-me Senhor

Isabel Morais Ribeiro Fonseca