sábado, 5 de outubro de 2013

TODOS

 TODOS

.......Todos nós
Nascemos e morremos sozinhos
......Deixamos flores ou espinhos
Entre uma estação e outra
........As flores que plantamos
Que nunca morram
........Que os espinhos
Sejam facilmente esquecidos.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca