quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

"PIANO"

"PIANO"

A tecla do piano está solta
Com sons agoniados
Agonizados
Velho como um lavrador que cultiva
Versos de mil palavras
Notas soltas
Sonhos longos
Profundos
Eternos
Castelos em traços que descrevo
Estrelas que iluminam
Beijam o coração
Piano velho
Gasto que agoniza no tempo.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca